What are you looking for?
October 16, 2017

Um inferno

Não estive por cá no fim-de-semana. Fui descansar e aproveitar o suposto bom tempo que ainda temos por cá. Se é que alguma vez se pode dizer que este tempo é bom. Estamos em outubro e só por isso tenho a certeza de que é tudo menos bom tempo. Já devia de estar a sentir-se o frio por cá. Aliás, outubro já vai a meio e o pior dia do ano foi ontem. Um clima abafado, um perigo aos meus olhos. Disse-o ontem várias vezes. É um clima que não me lembro de ver há uns anos atrás. Não faz sentido ser assim e muito menos sentido faz vermos um inferno destes repetir-se. Já não bastou Pedrogão? Será possível estarem a morrer mais pessoas por causa de novos incêndios?

Só quem lá está a viver cada segundo de desespero é que sabe. Nós que vemos, podemos imaginar talvez, e ficar assustados, mas não é de modo algum a mesma coisa. E é preciso erguer as mãos a cada bombeiro que anda por lá. Não é fácil ser-se bombeiro no meio de tanto fogo, para alguns acaba por ser dar a vida por outros, por uma luta que não é possível de equiparar. 

Gostava que fosse a última vez que se vê um céu negro e um fogo feroz como este. Mas temo que não aconteça como desejo. Os ventos quentes facilitam a propagação desta desgraça, mas não são só os ventos. Os homens que lá estão a apagá-lo podem ser muitos, mas por vezes basta uma só pessoa mal intencionada para iniciar tudo. 

Força para todos os que lá estão a lutar por cada pessoa que corre risco, por cada casa, por cada animal, por cada um de nós. 


Add your comment

@writtenbyjoana

Subscribe for the latest news