What are you looking for?
June 23, 2018

Let's go! Update time!


É muito raro ir treinar aos fins-de-semana, normalmente digo que são os meus dias de sossego porque já treinei 3 ou 4 vezes durante a semana. Mas esta semana que passou foi uma tristeza no que toca aos treinos e por isso hoje acabei por enfiar-me no ginásio uma hora e só me fez bem! A primeira fotografia foi tirada logo após o treino, sai mesmo a pingar hoje. Mas valeu a pena!

Por isso hoje quero falar-vos um bocadinho sobre os treinos, mas não sobre os meus especificamente. Quero falar-vos do treino. Lembrar-vos de que é bom treinar, mesmo quando a nossa vontade é igual a zero. Custa voltarmos depois de uma semana parados, custa. Mas quando estamos lá já não nos lembramos do que nos custou há 5 minutos atrás porque nos sentimos muito melhor após o treino e no dia seguinte. E acreditem em mim, porque nunca fui rapariga que gostasse de atividade física, sempre detestei e a verdade é que agora me faz sentir muito melhor. Encarem o treino como algo que vos faz falta ao vosso dia-a-dia, assim como comer ou beber água. 


Tenho a certeza que depois de um mês ou dois vocês vão ver as diferenças com os vossos próprios olhos. Pelo menos falando por mim. Estou longe de estar como eu quero estar. Tenho um caminho que quero fazer devagarinho para o manter, para não andar sempre em yoyo, como gosto de dizer. Sem stress, sem culpas. A comer de forma mais saudável, com algumas regras, mas a cometer um disparate ou outro se me apetecer. Para mim resulta assim. Pode não resultar para vocês, mas com o tempo nós percebemos o que resulta melhor para cada um.  É claro que é bom saber que umas calças que estavam no armário nos passam a servir, mesmo sem perdermos peso, só por perdermos volume ou quando começamos a olhar para as fotografias de quando iniciamos os treinos e de agora. Vou mostrar-vos duas e vejam como se nota a perda de volume. 



Percebem o que quero dizer? Parece que perdi volume mesmo e que a barriga de balão desapareceu! Agora que olho bem, até a cara mudou. Eu pelo menos noto só de olhar para as fotografias, e espero que com o passar do tempo se note cada vez mais. É sinal que os conselhos que me dão são bons e que afinal devagar vamos mesmo mais longe e conseguimos manter-nos mais saudáveis sem grandes exageros. Onde noto diferenças é na barriga e nas pernas, e são ambas as zonas que mais quero ver transformadas. Quando somos gordos durante anos e anos, acabamos por encarar estas mudanças todas de uma forma mais séria e se voltamos a ganhar peso ficamos insuportáveis, se não vamos ao ginásio idem idem aspas aspas. Como já vos contei dezenas de vezes, fui muito gorda na adolescência e há uns 7/8 anos atrás a coisa ainda se notava. Até que perdi os meus 15kg gloriosos! Não foi nada fácil, mas foi a partir daí que comecei a ver que era possível mudar e acabar com a imagem da Joana gordinha que todos tinham de mim. Hoje há quem não me reconheça logo, há quem me dê os parabéns porque nunca pensou que conseguisse. E eu volto a dizer que não sou maluca pelas dietas, nem nada disso. Vou fazendo aos poucos e tento ser feliz todos os dias por lutar por mim, porque sou eu que tenho de gostar de mim acima de qualquer outra coisa. Hoje consigo sê-lo e se houver por aí alguém com dúvidas... fale comigo! Não custa nada ajudar-nos uns aos outros! E todos nós conseguimos lá chegar, basta conhecer o nosso corpo e a nossa cabeça. 

E lembrem-se... devagar também resulta! Mais vale perder pouco peso e ficar mesmo sem ele. Mais vale treinar e passar a massa gorda, para massa muscular aos poucos. As coisas que queremos são todas possíveis. Basta acreditar e arregaçar as mangas! 

Add your comment

  1. Excelente exemplo pela sensatez, Joana.

    JU VIBES | @itsjuvibes ❤

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigado! Nem sempre existe, e eu quero acreditar que chego lá com sensatez e calma.

      Beijinhos

      Delete
  2. Para treinar é preciso muito esforço, persistência e dedicação, como em muitos aspetos da nossa vida. E concordo, devagar também resulta, todo o pequeno progresso não deixa de ser progresso.
    Beijinhos
    Blog: Life of Cherry

    ReplyDelete
  3. Este foi um post que me deu ainda mais motivação para continuar os meus treinos. Eu não vou ao ginásio. Tudo o que faço é em casa e com o material que tenho disponível. Vou descobrindo planos de treinos na internet e tento adaptá-los a mim própria. Pensei recentemente pedir ajuda a uma amiga que tirou um curso de desporto, mas ainda não tive oportunidade de a ver.
    No mês de Junho, comecei a fazer o programa Insanity, mas fiz apenas 2 semanas, achei demasiado puxado e repetitivo em termos de exercícios. Mas nunca fiquei parada e consegui perder 5 quilos em 2 meses, também muito devido à mudança na minha alimentação.
    Estou mesmo contente com os resultados e não tenciono parar. Mas sempre com calma.

    Força para ti também! Estamos no bom caminho para nos sentirmos plenas! :)

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigado Patrícia! Tenho andado numas semanas muito complicadas para ir treinar. Ora porque estou naquela fase do mês e honestamente odeio, sinto-me mesmo em baixo e não consigo funcionar, então opto por não ir. Ora porque há mil coisas para fazer após as horas de trabalho e nem sempre dá. Tenho ido 2 vezes por semana e esta provavelmente nem consigo lá chegar, mas já prometi a mim mesma que para a semana serão 3 a 4 treinos. Faz-me imensa falta ao corpo e sobretudo à mente!

      Mas acredita que a alimentação é tudo! Eu falo porque é onde peco por vezes e não devia. Agora com o fim do verão tudo volta ao normal...

      Vai passando por cá!! Gostei muito deste comentário...também me motivou!!

      Delete

@writtenbyjoana

Subscribe for the latest news